Sephora na Austrália – ou quase isso!
Dec06

Sephora na Austrália – ou quase isso!

Ótimas notícias para as amantes de maquiagem, a Sephora finalmente chegou na Austrália, pelo menos virtualmente!   Agora você pode comprar quase todos os produtos da Sephora no site da Tarazz com preços praticamente iguais aos praticados nos Estados Unidos. Uhuuu! Isso é excelente, não é mesmo meninas?   Pesquisei alguns produtinhos pra vocês para mostrar a diferença de preços e o quanto você poderá economizar comprando na Tarazz.   Stila In The Garden Eye Shadow Palette Tarazz Price: AUD $42.90 Mecca Cosmetica in Australia price: AUD $62.00 Economia de: AUD $19.10   Clinique Chubby Stick Moisturizing Lip Colour Balm Tarazz Price: AUD $17.60 Clinique Australia Price: AUD $35.00 Economia de: AUD $17.40   Benefit Cosmetics They’re Real Mascara Tarazz Price: AUD $25.30 Benefit Australia Price: AUD $38.00 Economia de: AUD $12.70   Claro que a Tarazz cobra pela postagem, dependendo do valor total da sua compra. Mas, mesmo incluindo o custo da postagem, vale muito mais a pena comprar na Tarazz do que na Myers, Mecca ou David Jones.   Fiz um pedido fictício na Tarazz incluindo os três ítens acima, só pra ilustrar pra vocês:   Cart Total: AUD $85.80 Shipping: AUD $22.95 Total: AUD $108.75   Se eu comprasse os mesmos ítens na Myers eu gastaria AUD $135.00, ou seja, eu teria economizado AUD $26.25 comprando na Tarazz.   Mesmo que o valor da postagem na Tarazz seja um pouquinho salgado, o preço dos cosméticos são super em conta! E o melhor de tudo é que finalmente temos acesso à linha de produtos da própria Sephora, antes inexistentes na Austrália.   Então não deixem de conferir o site da Tarazz, meninas!   Espero muito que vocês gostem dessa dica.   Um beijão e até mais...

Read More
Frase do dia
Dec05

Frase do dia

...

Read More
Prepare-se para se Apaixonar, pois essas músicas vão bombar
Dec04

Prepare-se para se Apaixonar, pois essas músicas vão bombar

Ministry of Sound – The Annual 2013 Prepare seus alto falantes e proteja seus ouvidos, porque o mais novo álbum do Ministry of Sound acaba de ser lançado. The Annual 2013 são dois discos que trazem os maiores sucessos da música eletronica. Essas músicas vão bombar muito nesse verão nas melhores baladas do mundo! O álbum é simplismente incrível! Sabe aquele tipo de CD que você ouve do começo ao fim sem ter que avançar nenhuma música? Então, The Annual 2013 é exatamente assim! Estou totalmente viciada nesse álbum, não consigo parar de ouvi-lo. Ele é a minha companhia indispensável na academia e em qualquer lugar que eu vá. Mixado pela dupla de Dj’s mais formidáveis da Austrália, The Only, e pelo mega talentoso Tom Piper, cada disco foi trabalhado nos mínimos detalhes, com músicas únicas e fenomenais, repletas de rítimos bombásticos. Este será, sem dúvida alguma, o melhor álbum do ano. O disco 1 do The Only conta com um diversificado mix de pop e club jams, convocando a chegada do verão com faixas e remixes de nomes como Avicci, Example, Rita Ora, Porter Robinson, Vandalism & iKid, Mobin Master & Ian Carey, Marina & The Diamonds e Florence & The Machine. O disco 2 do Tom Piper é repleto dos melhores hits da música eletrônica, trazendo os últimos lançamentos do ano como Knife Party, DJ Fresh, 360, The Bloody Beetroots, The Presets, Rudimental, The Aston Shuffle, Wolfgang Gartner e will.i.am/Eva Simons. Com 45 músicas divididas em 2 discos com perfeição, esse é o tipo de álbum que não pode faltar na coleção dos amantes de música eletrônica! Eu já garanti o meu, eu você? Espero que vocês gostem dessa super dica!   Você pode comprar o album aqui (buy release) Ou fazer o login no site do Ministry of Sound para ouvir as faixas (login to listen)     Um beijo enorme e até mais...

Read More
Tipos de Visto para a Austrália
Dec03

Tipos de Visto para a Austrália

Oi gente, hoje venho contar mais um pouquinho sobre como migrei para a Austrália. Quando decidi que era para a Austrália mesmo que eu queria ir, comecei a procurar tipos de visto, escolas de inglês, share accommodation (um tipo de república de estudantes) e coisas assim. Naquela época eu já era formada pela PUC-SP em Comunicação em Multimeios e, ao pesquisar na lista de profissões do Governo Australiano, vi que a minha profissão estava em demanda. Isso me animou muito, pois percebi que esse seria o caminho mais fácil para a tão desejada PR (residência permanente). Como eu tenho dupla cidadania, brasileira e italiana, fui atrás do Working Holiday Visa, um visto para Europeus, Argentinos, Chilenos, Sul-Coreanos e algumas outras nacionalidades. O pedido para esse visto é feito pela internet, o pagamento é com cartão de crédito e o visto é aprovado na hora, algo bem diferente que ocorre no processo de visto para brasileiros. Se você tem dupla cidadania, recomendo muito que você procure mais informações sobre o Working Holiday Visa no site da Imigração. A maior vantagem desse visto é que ele permite que o estrangeiro trabalhe período integral. Mas a maior desvantagem dele é que não se pode estudar por mais do que 4 meses. Sem contar que, se o estrangeiro não conseguir um empregador que lhe ofereça o Sponsor Visa, ele só poderá trabalhar por 6 meses para cada empresa e, caso queira renovar o visto por mais um ano, terá que trabalhar nas fazendas colhendo frutas ou cuidando dos animais. Assim que cheguei em Sydney comecei a mandar currículos e dei a maior sorte do mundo de conseguir um emprego logo no primeiro currículo enviado! Como se isso não bastasse, depois de um mês de trabalho meu chefe me ofereceu o tão desejado Sponsor Visa, o visto de Residência Temporária de 4 anos. Após 2 anos no Sponsor Visa dei entrada no processo de Job Nomination, vulgo Residência Permanete, que foi aprovado 6 meses depois. E foi assim que o meu destino na Austrália começou a ser traçado! Se você também sonha em migrar para a Austrália, não deixe de dar uma olhadinha no programa de Imigração Permanete. Primeiro confira se a sua profissão está em demanda na lista do Governo e depois veja se você tem os pontos necessários para se inscrever nesse programa. Agora se sua única opção é vir com o Visto de Estudante, eu aconselho que você comece a guardar dinheiro desde já, pois a vida de estudante na Austrália não é as mil maravilhas! Isso porque o visto é caro e ele exige que seja feito um exame médico...

Read More
Bye Bye Brasil!
Nov29

Bye Bye Brasil!

Oi gente, faz quase 5 anos que eu moro na Austrália, mas só agora resolvi criar um blog falando um pouquinho de como é morar aqui e o que eu fiz para conseguir migrar de vez. Acho que a primeira coisa que vocês devem se perguntar é: Por que você resolveu sair do Brasil para morar na Austrália? Bom, mudar de país é uma decisão muito difícil de ser tomada, ainda mais quando você nunca fez intercâmbio nem nada! Mas eu não aguentava mais morar em São Paulo. Mercado de trabalho saturado, péssimos salários, trânsito infernal, chuvas torrenciais, um calor do Congo, violência, medo… Resumindo, eu estava estressada, frustrada e muito infeliz. Como se isso tudo não bastasse, eu sempre tive a impressão de ser um peixe fora d’água no Brasil, pois não suporto falta de educação, corrupção e o famoso (e péssimo) “jeitinho brasileiro”. Então resolvi procurar novos horizontes e comecei a pesquisar. Vários fatores pesaram na hora da escolha do país e da cidade, tais como: economia do país, custo de vida, oferta de emprego, salário, qualidade de vida, segurança e etc. Pesquisei muito, muito mesmo, e escolhi Sydney para ser a cidade do meu coração. 🙂 Hoje posso dizer com todas as letras que migrar para a Austrália foi a melhor coisa que eu fiz na minha vida! Fato! Espero muito que vocês gostem do blog. Qualquer dúvida ou sugestão é só deixar um comentário aqui embaixo que eu vou responder com todo o carinho! Um beijão e até mais...

Read More
Page 8 of 8« Próximos Posts...45678