Por que eu NÃO uso o Aussie 3 Minute Miracle?

Oi gente, tudo bom?

Não é de agora que eu ouço falar na linha de produtos para cabelos Aussie 3 Minute Miracle. Esses produtos viraram uma febre no mundo bloguístico, principalmente no Instagram, depois que algumas blogueiras disseram usa-los.

Eu não estou aqui pra avaliar se os produtos são bons ou ruins, pois isso pouco me importa. Mas algumas pessoas pediram para eu experimentar essa linha de produtos e eu resolvi esclarecer o porquê não testei e NUNCA testarei esses produtos.

Pra quem não me conhece direito quero me apresentar, eu sou a Adriana, uma pessoa extremamente honesta, ética e verdadeira! Vocês nunca encontrarão jabá de produtos que eu não uso e não recomendo aqui no meu blog. Muito menos me venderei e farei publicidade de produtos inescupulosos e anti-éticos como o Aussie e o Head & Shoulders.

Bom, caso vocês não saibam, os produtos da linha Aussie são produzidos pela P&G (Protect & Gamble). Essa empresa já tem um loooooooooongo histórico de testes em animais e desrespeito com o meio ambiente.

Sei que essa questão dos testes em animais é meio relativa, porque por mais que a empresa não faça os testes, ela paga pelas patentes, ou seja, ela terceiriza os testes em animais. É uma solução “menos pior”, pois diminuí drasticamente o número de animais sacrificados. Mas não se iluda com o rótulo “Cruelty Free”, ok?

Voltando ao assunto do Aussie. Eu tenho uma birra enorme com esses produtos, pois eles são fabricados pela P&G e por causa da ganância das lojinhas amigues da onça! Reparem nos exemplos abaixo. Olhem como essas lojinhas são avarentas!

Primeiro reparem no preço real do produto nos EUA:

aussieWalmartaussieCVSaussie3

Agora olhem quanto as lojinhas cobram:

BoraOtarias

AussieEu fico doida com essas coisas! Acho o preço abusivo e uma falta de respeito com os consumidores!

Como se não bastasse tudo isso, o GreenPeace lançou uma campanha para alertar os consumidores sobre o shampoo anti-caspa Head & Shoulders, segue abaixo publicação na íntegra do GreenPeace:

E o campeão do desmatamento é…

Postado por Germano Assad – 19 – mar – 2014 às 8:50

Head & Shoulders!

Ao lançar uma campanha publicitária para o shampoo Head & Shoulders, com super produções e personagens icônicos da vida real do brasileiro, a Procter & Gamble segue firme com sua indiferença com relação à exploração predatória e destrutiva das florestas tropicais.

Nós gostamos tanto das propagandas que fizemos nossa própria versão, homenageando o produto 3 em 1 da companhia: que traz desmatamento, destruição e extinção de animais raros, tudo de uma vez só, diretamente para o seu chuveiro.

Clique aqui para assistir ao clipe paródia do Head & Shoulders, “The namber uãm em desmateichon in de uordi”.

Você já sabe que a P&G compra óleo de palma de fornecedores e produtoras reincidentes em crimes contra o meio ambiente. Sabe também que milhares de pessoas assinaram o manifesto pelas florestas da Indonésia e enviaram mensagens diretamente para o presidente da P&G pedindo produtos livres desse óleo de palma sujo.

Mas apesar da grande mobilização, acredite: eles continuam ignorando, solenemente, os próprios consumidores e o que acontece ao redor. Enquanto concorrentes como Nestlé, Unilever, Kellog’s, Ferrero e mais recentemente a Mars lideram uma transformação no setor, adotando políticas realistas e eficazes para evitar óleo de palma que desmata em suas linhas de produção, a P&G insiste no velho e inconsistente discurso das ‘práticas sustentáveis’.

zoom

Equipe de voluntários arma as duas entradas no escritório da agência Saatchi and Saatchi’s em Londres. Eles criaram a campanha publicitária do Head & Shoulders, shampoo da linha de produtos Procter & Gamble. (© Jiri Rezac / Greenpeace)

Duas semanas atrás, ativistas do Greenpeace colocaram uma instalação com duas divisórias na entrada da agência Saatchi and Saatchi’s, responsável pelo marketing da P&G. Os profissionais, ao entrarem no escritório, tinham que escolher entre duas ‘portas’: “salve as florestas” ou “destrua as florestas”. A preferência pela proteção foi esmagadora, ou seja: até os criadores das campanhas do Head & Shoulders estão preocupados com a situação crítica do óleo de palma e das florestas tropicais na Indonésia.

Por isso produzimos esta singela homenagem, para acordar de vez os executivos que ainda estão ‘dormindo no ponto’. Nossa paródia não foi produzida por agência e nem contou com a participação de celebridades, mas nós garantimos: nada desta produção é proveniente de desmatamento!

Assine a petição

Author: Drika

Share This Post On

14 Comments

  1. Concordo 100%!!! Alem de tudo os produtos nao sao bons, sao de ma qualidade mesmo, cheiro horrivel e enjoativos, nao vale a pena de jeito nenhum!! bjs

    Post a Reply
  2. Há pouca discussão sobre o fato e muitos ainda não se dão ao trabalho de investigar de onde vêm os produtos que usam. Que bom que você é diferente!!

    Post a Reply
  3. nunca ia imagina que esses produtos eram tao terriveis assim fiquei chocada isso tudo e orrivel voce ja ouvio falar no crece pelo se for ruim fala um pouco dele tambem obrigado pelas explicacoes foram muito uteis .

    Post a Reply
  4. Pessoal acha besteira, mas sempre pesquiso os produtos que uso, e evito ao maximo as mascas da P&G, Unilever, entre outras. Independente de acreditar que isso vá mudar alguma coisa, é para mim ao menos um copromisso ético que assumo.

    Post a Reply
  5. Não gostei. Gastei meu dinheiro a toa. Li muitas resenhas e todo mundo elogiando no superlativo como se fosse o melhor shampoo do mundo. Mas eu não vi que a maioria das pessoas que elogiaram Aussie não usam produtos importados de alta qualidade com frequência, são pessoas que viajam para fora do Brasil e ficam deslumbradas com qualquer produto baratinho de farmácia. Dinheiro e elegância são coisas bem diferentes: não é porque a pessoa tem dinheiro para viajar que ela sabe distinguir o que é bom!

    Ele é igual o Herbal Essences azul que vendia aqui no Walmart do Brasil mas ninguém dava valor, até o cheiro é igual.

    Dizem que ele é mega cheiroso?? Palhaçada! Temos uma infinita variedade de produtos com cheiro de côco ou baunilha. Produto cheiroso é Sebastian, Joico e até mesmo Elseve ou O Boticário!

    A fórmula é sem graça, e o produto mais ainda.NÃO VALE A PENA! Eu não teria dado nem 1 centavo nele se tivesse a oportunidade de experimentar antes. Pena que só li o post agora, eu nem sabia da crueldade dessa empresa.

    Abraços!

    Post a Reply
    • Só que Elseve e Sebastian também testam em animais! Por isso é que eu só uso MoroccanOil.

      Post a Reply
  6. Então Adriana,gostei do seu post realmente essas informações a respeito do Aussie são novas.
    Mas não concordei em relação ao preço de revenda aqui do Brasil.
    O produto é importado, muitas vezes tributado, o frete tbm super caro.Quem mora aí e envia cobra uma porcentagem camarada.Então a faixa de preço para que ele possa deixar algum lucro é essa mesma em torno de R$60.00 afinal ninguém trabalha de graça…. Tenho certeza que produtos nacionais que são super baratos aqui no Brasil vc deve pagar caro aí pela mesma razão. Eu vendo Aussie e fico super chateada qndo alguém trata os revendedores como vilões inescrupulosos que estão querendo enricar as custas dos outros qndo muitas vezes o produto não deixa mais que R$10.00 de lucro!

    Post a Reply
  7. Que bom que li seu post, estava pensando em comprar e desisti na hora. Comprar produtos que ajudem e respeitem os animais e meio ambiente.

    Post a Reply
  8. Olá. Meu interesse em comentar o, posteriormente é só passar a minha esperiencia. Minha esposa e fila amam esses produtos, o cheiro realmente é muito agradável e os resultados são bons, não milagrosos pois essa linha é vendida em supermercados nos EUA.

    Quanto ao fato dos testes em animais TUDO hoje é testado em animais. Não vamos ingerir nenhum medicamento? Agora a questão do valor é. .. nos EUA se paga um imposto UNICO aqui pagamos milhões. ..isso faz com que onerem os valores de tudo que é importado.

    Não podemos comparar o Aussie com um Seda ou Palmolive. .. o que minha esposa diz é Q usa o aussie no dia a dia C resultados bons e um Joico Q é muito mais caro semanalmente

    Há quem não se agrade mas como homem ja experimenei o shampoo e é muito bom… tem como todo produto o público Q n gosta mas muito mais mulheres usam e gostam que as que não gostam, se n fosse bom não teria a rotatividade e frequência de ré ccompra que existe.

    Post a Reply
  9. extamente tem muitas lojas que realmente cobram muito caro,
    mas voce tem ideia do preço para trazer produtos para o brasil????????
    do tamanho imposto cobrado?????
    ahhh mas pode trazer no avião….
    ah mas voce esqueceu que alfandega pode pegar tudo?
    ah tem os correios
    voce sabe o preço de um frete ?
    ja realizei todos os teste comprei dessas formas
    ja me pararam na alfandega e perdi tudo
    ja mandei enviar pelos correios e alem do frete absurdo paguei uma super taxa para alfandega

    eu e minha familia usa sim aussie é muito bom
    achei um site que vende um preço bom e compro sempre de la
    http://www.tudoimportadousa.com.br

    Post a Reply
  10. Eu testei e não gostei, puro marketing. Foi como usar um produto como Seda ou qualquer outra marca dessas baratinhas, mas o pior é que paguei caro, R$ 50,00 em um produto que não fez nenhum efeito no meu cabelo, para mim foi bem triste. Sabendo dessas coisas agora, aí que não compro mais mesmo.

    Post a Reply
  11. Da onde você tirou que o Aussie é da P&G?

    Post a Reply
  12. Boa tarde,

    Adriana é a primeira vez que comento por aqui, primeiro gostaria de dizer que a P&G está comercializando no BRASIL, porém não é ela a fabricante. Você pode pegar embalagens de 01 ano e meio atrás e verificará que a P&G não está escrita lá.

    Eu morei em Dublin, Irlanda e lá também existe o Aussie e infinitos tipos para vários tipos de cabelo. O preço: 4,00 Euros, correspondente a 16 Reais e a fabricação é no Reino Unido. E o valor “abusivo” é tachado pelo governo brasileiro, não é a empresa que determinado o valor.

    Post a Reply

Submit a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *