Onde morar na Austrália?

Onde morar na Austrália?

Oi gente, hoje venho com um post muito importante para quem pensa em vir para Austrália. Quando todos, ou quase todos, os detalhes da viagem já foram providenciados e só falta um, não menos importante; vem aquele medo, aquela incerteza, aquela dúvida que não quer calar. E agora, onde é que eu vou morar?

Existem várias opções de moradia na Austrália da homestay à share accomodation e eu vou descreve-las para esclarecer as vantagens e desvantagens de cada uma.

Mas antes de qualquer coisa você precisa saber o que é bond. O bond é um adiantamento em dinheiro que equivale ao valor de 4 ou 6 semanas de aluguél. É um seguro retido pelo dono/gerente do imóvel, ou pela imobiliária. Todo lugar que você morar exigirá um bond. Esse valor é devolvido integralmente ao deixar o estabelecimento, caso nada tenha sido danificado. Do contrário um valor será abatido do seu bond e não adianta chorar. Antes de entrar com mala e cuia em qualquer lugar, você assinará um contrato no qual todos os seus direitos, deveres e obrigaçãos estarão citados ali, preto no branco. Tudo que vá contra ao que está escrito naquele papel que você assinou, se configura quebra de contrato.

Bom, agora que você já está ciente disso tudo vamos ver quais são as opções de moradia existentes.

Se o seu objetivo é aprender inglês reza a lenda que a melhor opção de acomodação é a homestay. A homestay é uma casa de família australiana na qual você paga pelo aluguel de um quarto e uma refeição, geralmente café da manhã ou jantar. Dizem que é uma ótima oportunidade para se adaptar ao estilo de vida australiano, porém, depois de ouvir alguns relatos de amigos que moraram homestay eu aconselharia certa cautela com a escolha da casa. Ouvi coisas terríveis de quem morou em homestay como: a mulher era uma porca, a casa era suja, a comida era nojenta, a casa era muito longe e o último ônibus partia as 8.00pm. Por isso eu não escolheria uma homestay às cegas. Primeiro eu viria para a Austrália e, no primeiro mês, visitaria as opções de homestay para ter melhor noção do tempo e do percurso entre a escola e a casa; e para ver as reais condições da casa e da família.

Uma outra opção de moradia é o Backpacker. Essa é a opção mais barata. O Backpacker é um albergue no qual o banheiro é comunitário, os quartos são divididos entre 2 ou 4 pessoas e a cozinha é comunitária também. Não conheço muitos brasileiros que moraram em Backpacker, mas tem um perto da Central Station em Sydney que dizem que é muito bom. As diárias variam de $28 a $68 por dia.

Alugar o seu próprio apartamento não é tarefa fácil pois a imobiliária tem uma série de exigências como: tipo de visto, diheiro em conta, cartão de crédito, carteira de motorista e etc. Geralmente leva alguns dias para a imobiliária aprovar a sua aplicação. Além disso o contrato mínimo é de 6 meses, o aluguél é caro, dependendo do bairro no qual se quer morar e alguns apartamentos não tem mobilha. Então essa é uma opção para quem já está na Austrália.

A opção mais escolhida por estudantes brasileiros é a Share Accomodation, que nada mais é do que uma república de estudantes. A share accomodation é uma ótima escolha, pois permite que você faça amizade com seus novos flatmates e, para quem sempre morou com os pais, começe a ter um gostinho de como é morar sozinho, tendo responsabilidades como: cozinhar, limpar a casa e lavar sua própria roupa. Essa é sem dúvidas a melhor opção, pois você terá toda a liberdade do mundo. Muita gente reclama que na maioria das Share Accomodations só tem brasileiros, mas na Austrália em geral tem muito brasileiro! E se você pretende vir para a Austrália para não ver brasileiros, você escolheu o país errado, nesse caso prefira a Nova Zelândia então. Essa história de fugir de brasileiros é um mito! Se você vier como estudante, 30% dos alunos da sua escola serão brasileiros e 60% sul coreanos. Essa é a realidade atual, pelo menos em Sydney.

Quando eu vim para a Austrália eu fechei uma share accomodation em Banksia com uma agência de intercâmbio do Brasil. No meu caso foi uma péssima escolha, pois a casa tinha 7 quartos, com 2 pessoas cada, e somente 2 banheiros. Além disso os armários do meu quarto não tinham gavetas nem prateleiras, tinha só o cabideiro e olha lá. Sem contar que a casa era infestada de baratas e todo santo dia eu e meu marido matávamos de 2 a 3 baratas no nosso quarto! Nojento! Assim que completamos 4 semanas nos mudamos para o apartamento de uns amigos, que tinha 2 quartos e 2 banheiros, um casal para cada quarto. Essa opção foi ótima e moramos com eles por 6 meses, até o dia em que conseguimos alugar o nosso próprio apartamento.

É muito complicado escolher aonde você vai morar sem ver o local. Mas eu tenho um amigo em Sydney cujo trabalho dele é alugar quartos para estudantes. Os apartamentos dele são super organizados, os móveis são novos, diferente de muitos lugares que eu já vi, nos quais até o colchão era 2nd hand (muitos infestados de pulgas… Eew!). Quem quiser mais informações sobre os apartamentos do Ricardo ou tiver qualquer dúvida é só deixar um comentário aqui embaixo.

Um beijão e até mais <3

Author: Drika

Share This Post On

8 Comments

  1. porquee vc não monta uma Share Accomodation?

    Post a Reply
    • Oi Jéssik, dá muito trabalho ter que cuidar de outro apartamento, fazer os contratos dos bonds, fazer visitas periódicas pra ver se a galera não está causando, correr atrás dos caloteiros, sem contar o investimento do bond inicial para alugar o imóvel e toda a mobília, eletrodomésticos e etc. Meu amigo trabalha única e exclusivamente com isso. Eu trabalho período integral na minha área e tenho a minha casa pra cuidar. É muita coisa, não tenho como fazer isso agora. Quem sabe um dia no futuro. 😉

      Post a Reply
  2. Drika

    O meu filho, uma amiga e eu estamos nos organizando para ir para a Austrália inicialmente para estudar inglês. Gostaria de saber qual a melhor cidade para se morar e estudar e possivelmente trabalhar também. Qual é o valor da locação da pessoa que você informou que tem imóvel para locar e se há necessidade de irmos através de agencia de intercâmbio.

    Desde já agradecemos e ficamos no aguardo.
    Abraço

    Denise

    Post a Reply
  3. Ola, Adriana! Poderia passar o contato de seu amigo Ricardo. Estou pretendendo ir p Sydney fim do ano e gostaria de conversar com ele sobre a acomodação!! Muito obrigado.

    Post a Reply
  4. Olá Adriana, poderia me passar o contato de seu migo Ricardo, eu pretendo me mudar para Sydney para trabalhar e estudar. Seria muito bom conseguir algum bom lugar para ficar. Obrigada.

    Post a Reply
    • Oi Bruna, o Ricardo voltou para o Brasil. Mas faz o seguinte, entre na comunidade “Brasileiros em Sydney”no Facebook que vc encontrará diversos lugares para ficar.
      Um beijo,
      Drika

      Post a Reply
  5. Olá boa noite! Você poderia passar o contato do seu amigo em Sidney que aluga apartamentos para estudantes? ?? Obrigada

    Post a Reply
    • Oi Simone, entre na Comunidade: Brasileiros em Sydney no Facebook. Lá vc vai encontrar diversos lugares para ficar.
      Um beijão,
      Drika

      Post a Reply

Submit a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *